Estresse – descubra como controlar o seu

Geralmente o estresse leva à compulsão por carboidratos, e geralmente os de alto índice glicêmico. Assim, o consumo descontrolado desse tipo de alimento aliado à produção do cortisol em alta escala acaba alterando os hábitos e o estado e saúde.

Quando estamos estressados nossa produção de cortisol aumenta. Assim, nosso organismo entende que deve preservar suas reservas (tecido lipídico), pois está passando por uma situação de “perigo”, começa a utilizar a massa muscular para gerar a energia dispensada, a frequência cardíaca aumenta, os níveis de insulina e outros hormônios se desregulam e assim começa uma cascata metabólica descompensada.

O cérebro, entendendo passar por uma situação de perigo, sinaliza a necessidade de ser compensado com glicose, gerando a compulsão alimentar pelos carboidratos de alto índice e que acabam aumentando ainda mais o processo inflamatório, aumentando a produção de insulina, gerando mais fome, mais aumento de peso e mais tecido lipídico.

BASICAMENTE procuramos carboidratos. Porque um organismo mal nutrido, mal alimentado, vive em desequilíbrio físico, mental e metabólico, nunca sinalizando estabilidade e equilíbrio bioquímico para o cérebro e assim, por toda a comunicação entre as células.

8 sinais de que o estresse está atrapalhando a alimentação saudável e, consequentemente, o emagrecimento:

  • Compulsão alimentar;

  • Fome do comer noturno;

  • Insônia;

  • Distinção abdominal, flatulência;

  • Falta de energia;

  • Falta de memória;

  • Alteração hormonal;

  • Baixa imunidade.

Alimentos que controlam o estresse

Alimentos ricos em magnésio, (castanha do para, grãos, cereais integrais);

  • Triptofano (iogurtes, aves, ovos, peixes);

  • Vitaminas do complexo B, (carnes, aves, ovos, grãos, peixes);

  • Beta itosterol (semente de abobora, abacate);

  • Acido fólico (vegetais verdes escuros, fígado, gérmen de trigo);

  • Omega 3, (peixes, sementes, linhaça, chia);

  • Carboidratos de baixo índice glicêmico.

Evite

  • Nunca passe mais de 4 horas em jejum;

  • Evite consumir carboidratos isolados (sempre faça combinações com sementes ou proteínas);

  • Prefira os integrais;

  • Nunca se esqueça das fontes protéicas (carnes magras, ovos, grãos);

  • Não exclua nenhum grupo da sua alimentação principalmente os carboidratos;

  • Tenha sempre um punhado de sementes ou um pedaço de 25gr de chocolate amargo (70-80%) com você.

CRÉDITO:

Dra. Juliana Rossi Di Croce– Nutricionista (CRN 40228)

Clínica Equilibrio Nutricional

Tel.:(11) 2672-7300 | WhatsApp (11) 97334-9847

E-mail: [email protected]

Site: www.equilibrionutricional.com.br

Você pode gostar de:

TÉCNICAS DE RESPIRAÇÃO PARA ELIMINAR A ANSIEDADE

 

 

 

Social Widgets powered by AB-WebLog.com.

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site.

Open chat
1
Posso ajudar?
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On Instagram