Ovos e seus benefícios

OVOS E SEUS BENEFÍCIOS

Benefícios dos ovos

O ovo é um alimento muito rico nutricionalmente com 13 vitaminas e minerais essenciais, proteínas de alto valor biológico, ácidos graxos insaturadas (saudáveis) e antioxidantes (zeaxantina e luteína).

A clara de ovo possui albumina, um aminoácido extremamente importante parar a manutenção do tecido muscular. A gema do ovo é rica em ferro e também tem altas doses de colina que ajuda a proteger o cérebro e a memória além de contribuir para o desenvolvimento fetal, além de possuir o ácido fólico e vitamina B6, capaz de diminuir os níveis de homocisteína no sangue, substância nociva ao coração.

De acordo com os estudos mais recentes, realizados pela Universidade de Harvard, concluiu-se que o consumo diário de um ovo não implicou no aumento de doenças cardiovasculares. Sendo assim, consumir um ovo ao dia pode trazer benefícios como: evitar a degeneração macular, anemia, câncer de mama, protege o cérebro e memória, entre outras. É lógico que nunca frito.

Porém para as pessoas que já tenham sofrido enfarto e diabéticos ainda vale a recomendação de três unidades de ovos por semana.

Clara e gema

O ovo cru possui em média 213 mg de colesterol por unidade, que segundo os estudos mais recentes um ao dia, não implicaria em prejuízo à saúde, mas em benefícios devido a riqueza de nutrientes que o compõem. Porém o consumo exagerado pode sim influenciar nos níveis de colesterol do organismo oferecendo maiores riscos à saúde. Mas isso pode ocorrer também com o consumo exagerado de carboidratos simples, carnes gordas, frituras, doces e embutidos.

Os ovos oferecem maior sensação de saciedade por ser um alimento fonte de proteína de alto valor biológico (contém todos os aminoácidos essenciais).

O Segredo está na Cozinha

  • ina, um aminoácido extremamente importante parar a manutenção do tecido muscular.

  • Gema do ovo: rica em ferro e também de altas doses de colina que ajuda a proteger o cérebro e a memória além de contribuir para o desenvolvimento fetal. A gema também possui o ácido fólico e vitamina B6, capaz de diminuir os níveis de homocisteína no sangue, que esta sim pode fazer mal ao coração.

A clara pode ser utilizada para dar maciez, volume e leveza às receitas quando batidas em neve. Quando ao natural pode dar maior consistência às preparações como pudim, mousse, tortas. E o melhor é que é riquíssima em proteína e livre de gorduras!

Crédito:

Dra. Juliana Rossi Di Croce – CRN 40228 – Nutricionista

Clínica Equilíbrio Nutricional

Tel. (11) 2672-7300

E-mail: equilíbrio@equilibrionutricional.com.br

Site: www.equilibrionutricional.com.br

Você pode gostar também de:

14 Dicas para você emagrecer no restaurante por quilo

 

 

Compartilhe com seus amigos...Share on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Dra Juliana on FacebookDra Juliana on InstagramDra Juliana on WordpressDra Juliana on Youtube
Dra Juliana
Dra. Juliana Rossi Di Croce
CRN 40228
Nutricionista formada pela Universidade Cruzeiro do Sul (CRN 40228).
Pós Graduada em Nutrição Ortomolecular com Extensão em Nutrigenômica – FAPES.
É Sócia Diretora da Clínica Equilíbrio Nutricional e Co- autora dos Livros: "Saúde & Sabor com Equilíbrio" - Receitas Infantis, “Saúde & Sabor com Equilíbrio” – Receitas Diet e Light Volumes I e II.